Tabagismo! Vamos dar um ponto final nisso.

Tabagismo! Vamos dar um ponto final nisso.
  • Compartilhe esse post
  • Compartilhar no Facebook00
  • Compartilhar no Google Plus00
  • Compartilhar no Twitter
  • Compartilhar no Whatsapp

O tabagismo está relacionado a mais de 50 doenças sendo responsável por 30% das mortes por câncer de boca, 90% das mortes por câncer de pulmão, 25% das mortes por doença do coração, 85% das mortes por bronquite e enfisema, 25% das mortes por derrame cerebral. Segundo a Organização Mundial da Saúde (OMS), todo ano cinco milhões de pessoas morrem no mundo por causa do cigarro.

A Organização Mundial da Saúde (OMS) considera o tabagismo como a principal causa de morte evitável no mundo. Acredita-se que um terço da população mundial adulta, ou seja, mais de 2 bilhões de pessoas, sejam fumantes. Aproximadamente 47% de toda a população masculina e mais de 12% da feminina no mundo, é fumante. Pesquisadores dizem que no ano passado, 600 mil não fumantes morreram em decorrência da exposição passiva ao fumo.
São conhecidas cerca de cinco mil substâncias tóxicas ingeridas em uma tragada, responsáveis por terríveis impactos nocivos no corpo humano, sendo comuns mais de 50 tipos de doenças diferentes, tais como câncer, problemas respiratórios, derrame cerebral, doença vascular periférica, problemas circulatórios, infarto, impotência, morte súbita.
Parar de fumar não é fácil, mas não é impossível. Qualquer pessoa consegue, basta persistir e terá sucesso.
Parar de fumar só funciona quando o interessado é você, quando esta vontade parte de você, quando esta decisão ocorre por você. Ninguém se torna ex-fumante para atender aos apelos e expectativas de outras pessoas
Será sempre necessário ter claro quais são os muitos motivos e as vantagens que reforçam a sua decisão de parar. Tenha claro para você quais os motivos e vantagens, relacionando-os numa lista que deve ser relida e repensada todo dia.
Defina com antecedência qual a data em que irá parar de fumar. Parar abruptamente tem surtido excelentes resultados.
Até chegar a data, vá rememorando os motivos pelos quais irá parar de fumar; nutra a firme convicção de que irá parar. Visualize-se não fumando.
Será interessante informar os amigos mais próximos e os familiares, de sua intenção de parar de fumar, assim, você terá uma rede de apoio.
Não tenha mais cigarros em sua posse e sempre que desejar fumar, lembre-se de que está decidido a parar.
Livre-se de todos os objetos relacionados ao cigarro, como cinzeiros, isqueiros ou pacotes de cigarro.

Tabagismo. Vamos dar um ponto final nisso.

Guarde todos os dias, em lugar visível, o dinheiro que você gastaria com o cigarro e sempre conte o quanto economizou. A sua economia de dinheiro será uma grande motivadora e você se surpreenderá ao constatar que após um ano terá o suficiente para dar entrada num carro zero.
Escreva na geladeira, no seu computador, no seu guarda-roupas, no espelho, na sua mesa de trabalho: EU NÃO QUERO FUMAR, NUNCA MAIS. Leia em voz alta como uma afirmação para si mesmo.
Feche os olhos e imagine-se como um não fumante a recusar decididamente um cigarro oferecido por alguém.
 Afaste-se da roda de fumantes. Prefira a companhia de pessoas que não fumam. Com o tempo ficará mais fácil não ter recaídas pela proximidade com fumantes.
Lave todas as roupas, cortinas, tapetes, lençóis, fronhas, toalhas e todos os demais objetos que possam lembrar o cheiro de cigarro que estava impregnado. 
Procure seu dentista e faça uma limpeza dos dentes nutrindo a intenção de mantê-los limpos.
No início do processo de parar de fumar, você poderá sentir tristeza, irritabilidade, aumento da fome, insônia ou sono muito leve, dor de cabeça, desconcentração, sensação de vazio. MAS, CONTINUE. Isto é passageiro. Quando estiver próximo de um ano sem fumar, seu corpo lhe mostrará todos os benefícios que você conseguiu com esta decisão, e você ficará muito feliz.
Se você se sentir ansioso, irritado ou triste, não tome café nem bebida alcoólica, pois estes são alguns dos gatilhos que antecedem o fumar. Fique atento. Mude o que está fazendo. Respire profundamente e segure o ar no pulmão por alguns momentos; repita isso por 10 vezes. Pense em situações prazerosas. Tome banho ou faça caminhada ao Sol. Pense em outra coisa.
Programe-se, organize-se para realizar atividades físicas moderadas, regulares e diárias sob o Sol, como caminhada, ciclismo, ginástica, no mínimo 3 a 4 vezes por semana. Faça jardinagem, pintura, atividades manuais. Ouça músicas suaves e delicadas. Evite programações que excitem, que o deixe nervoso, com medo, estressado, irritado ou cansado.
Se tiver insônia, tome um chá mais concentrado de camomila, erva-cidreira, melissa, hortelã, duas horas antes de dormir e se perder o sono. Esses chás podem ser consumidos 5 a 6 vezes por dia, mais fraquinhos para não dar sono de dia, e sempre sem açúcar.

Tabagismo. Vamos dar um ponto final nisso.

 Se perder a concentração numa atividade intelectual ou no trabalho, lembre que as toxinas do cigarro trazem graves e progressivos prejuízos à memória. Pare o que está fazendo, faça exercícios de pular bem alto por 5 a 10 vezes, continue com exercícios de respiração forçando o máximo de entrada de ar em inspiração forçada e forçando o máximo de expiração em esvaziamento mais completo possível de ar do pulmão. Repita isso 5 a 10 vezes. Agora você já poderá voltar para o seu trabalho, mais reoxigenado, revitalizado e verá que sua produtividade será muito boa.
Evite alimentos gordurosos e doces, para não engordar.  Evite comer fora do horário de refeição. Se tiver muita fome tome muita água, em último caso, coma verduras, tomate, cenoura, rabanete.
 Os momentos que você precisará mais fortalecer a sua decisão de resistir, será após alimentar-se, após tomar café ou comer doces, antes de dormir, ao dirigir ou falar no telefone, ao enfrentar uma situação tensa ou ao lidar com preocupações. NÃO SE JUSTIFIQUE; DESVIE SUA ATENÇÃO DO CIGARRO; NÃO PENSE EM CIGARRO, RESISTA.
Por mais que se resista, algumas pessoas podem ter recaídas. Isto não é para se repetir, mas se ocorrer, não perca tempo se culpando nem se lamentando ou culpando pessoas ou situações. Reinicie colocando mais força e mais decisão. NÃO DESANIME. NÃO DESISTA. Lembre-se: todos conseguem, quando persistem, E VOCÊ CONSEGUIRÁ..
Se tiver dor de cabeça, compreenda que a saída de tantas toxinas de todas as partes do corpo podem causar muitos sintomas, inclusive esse. Tome um analgésico que você esteja acostumado, conforme as orientações do seu médico. Evite remédio específico para enxaqueca.
 A vontade que parecerá incontrolável não durará mais que 1 ou 2 minutos e passará cada vez mais rapidamente e cada a vez a maiores intervalos de tempo entre elas, até que sumirão.
Quando ocorrer a vontade de fumar, não fique desocupado, sem fazer nada. Procure algo de útil para se ocupar. Desvie a atenção e os pensamentos em relação ao cigarro. Respire, se mexa.
Quando sentir vontade de fumar, não apele para doces e comida fora do horário da refeição. Tome água pura à vontade. Escove os dentes. Chupe gelo. Masque um cravo, um pedaço de gengibre ou um cravo. Faça auto massagens nos membros superiores e nos membros inferiores. Esfregue vigorosamente as mãos e os punhos. Mude o que está fazendo. Faça exercícios respiratórios diários, e uma seqüência de 20 inspirações profundas pelo nariz e expirações demoradas pela boca.
Ao atender o telefone tenha uma caneta e um papel para rabiscar, ou pegue um copo de água e vá tomando, desviando intencionalmente do costume de fumar ao falar no telefone.
Quando for a eventos e encontros sociais, tenha claro o que vai pedir para tomar, para evitar bebidas alcoólicas, pois estas desencadeiam as recaídas, tornando muito difícil se manter abstinente do fumo, ao beber. Suco de goiaba é uma opção excelente para esses momentos.
Evite ficar se lembrando de quando fumava
Se ocorrer o pensamento de estar fumando, ponha-se de frente para o espelho, olhe nos fundos dos seus olhos e relacione em voz alta para você mesmo todos os motivos pelos quais você não vai fumar. Pode ocorrer sonho de estar fumando; ao se levantar faça esta mesma prática. 
É normal ter tosse por um período. É a forma que o corpo tem de expelir as toxinas do cigarro, que ficaram impregnadas nos alvéolos pulmonares. Faça inalação de vapor de água fervente 3 a 4 vezes por dia ou tome um xarope caseiro de seu costume, coma agrião e suco de abacaxi. Faça exercícios respiratórios. Se for muito intensa, procure avaliação de um médico.
Se sentir mau hálito, isto estará indicando a saída de toxinas que ficaram impregnadas no nariz, nos dentes, nas mucosas da boca e da faringe, na língua. Escove os dentes. Tome água. Coma maçã. Faça bochechos de um chá de gengibre com cravo. Se continuar, procure a avaliação de um dentista para descartar uma patologia dentária.

Tabagismo. Vamos dar um ponto final nisso.

Após 2 horas sem fumar, os níveis de nicotina na corrente sanguínea se tornam quase ausentes, então o corpo começa a estimular mais fortemente o seu desejo para repor a nicotina com a qual o corpo estava acostumado. CUIDADO neste momento, RESISTA, que isso logo passa.
Após 8 horas sem fumar, caem drasticamente os níveis de monóxido de carbono e a oxigenação começa a ser realizada de uma forma mais adequada.
Após 12 a 24 horas sem fumar, os pulmões começam a funcionar melhor, as veias e as artérias melhoram a capacidade circulatória, reduzindo os riscos de ataque cardíaco.
Após 2 dias sem fumar, o olfato e o paladar parecem estar exagerados, é que voltam ao que era normal antes de fumar.
Após 3 semanas a 3 meses sem fumar, a respiração, a circulação, a força física, o desempenho sexual, a fertilidade masculina e a disposição mental melhoram muito.
Após 9 meses sem fumar, percebe-se redução da tosse e da congestão nasal, melhora da respiração reduzindo o cansaço e a falta de ar, reduz em muito os riscos de infecções respiratórias.
Após 1 ano sem fumar, reduz os riscos de infarto do miocárdio.
Após 5 anos sem fumar, reduz em metade os riscos de desenvolver câncer de vias aéreas e do aparelho digestivo. Os riscos de derrame cerebral se tornam iguais aos de pessoas que nunca fumaram.
Após 10 anos sem fumar, os riscos de câncer de pulmão se equivalem aos de pessoas que nunca fumaram. Os riscos de infarto do coração passam a ser iguais aos de pessoas que nunca fumaram. Você nunca mais voltará a querer fumar. Não estranhe se você se tornar intolerante ao cheiro de cigarro, é que pessoas que fumaram quantidade significativa por longo tempo, podem sentir dificuldade respiratória, e, com isso, ter aversão ao cheiro de cigarro.    
Acupuntura pode ser um aliado complementar interessantíssimo, produzindo excelentes resultados para o tratamento do tabagismo e de outras dependencias e compulsividades.   (Robson Barbosa Lopes)

 

O médico Drauzio Varella fumou por 19 anos. Ele conta como conseguiu largar o cigarro, há 32 anos. "Todos os programas para parar de fumar dizem que a gente tem que marcar uma data", afirma Drauzio.

 

 

Dicas de como parar de fumar sem tratamento, com um método que está com 91% de sucesso quando seguido a risca, tem sido um divisor de águas nas vidas de muitas pessoas.

     

Veja também em nosso site:

1) Acupuntura está indicada para tratar que casos?  

2) A PRÁTICA DA ACUPUNTURA 

3) Vídeo: Tratamento com Acupuntura 

4) Estudo de Caso - DEFICIÊNCIA DO CORAÇÃO   

5) AVISO IMPORTANTE 

6) PARA EVITAR ENFERMIDADES

7) Exercícios Respiratórios e seus muitos Benefícios - AULA

8) Cataplasma - Um Tratamento com recursos da Natureza

9) ALIMENTOTERAPIA . Como a Medicina Tradicional Chinesa compreende os alimentos e suas funções. Como auxilia no tratamento de doenças?

10) VEGETARIANISMO E VEGANISMO – fundamentos e história. Avaliando alimentação e suas interfaces: da religião, da razão, da ética , da lei, dos costumes humanos.               

11) O ALHO E A CEBOLA NA ALIMENTAÇÃO. São sempre benéficos? Revendo nossos temperos.

12) CROSTINI DE AVOCADO* E COGUMELOS - Receita               

13) 5 MOTIVOS PARA CONSUMIR O ÓLEO DE COCO

  • Compartilhe esse post
  • Compartilhar no Facebook00
  • Compartilhar no Google Plus00
  • Compartilhar no Twitter
  • Compartilhar no Whatsapp

Veja Também:

Artigos Relacionados


Olá, deixe seu comentário para Tabagismo! Vamos dar um ponto final nisso.

Enviando Comentário Fechar :/